CBN - A rádio que toca notícia

POLÍTICA

Tasso Jereissati e Kátia Abreu retiram apoio e provocam arquivamento da CPI da Lava Toga

Com a retirada de assinaturas, o documento passou a ter 25 adesões e, consequentemente, encaminhado ao arquivo

12/02/19, 08:03

O

s senadores Tasso Jereissati (PSDB-CE) e Kátia Abreu (PDT-TO) retiraram suas assinaturas do pedido de criação de uma comissão parlamentar de inquérito que se prestaria a investigar denúncias  envolvendo membros de tribunais superiores. O requerimento de instalação do colegiado, de autoria do senador Alessandro Vieira (PPS-SE), havia obtido o número mínimo de adesões (27 senadores) na última quinta-feira (7).

Segundo a Secretaria-Geral da Mesa, Eduardo Gomes (MDB-TO) também solicitou a retirada de sua assinatura, mas o fez por meio de aplicativo de mensagens via celular, com uma foto em que comunicava a desistência. Assim, a exclusão não foi oficializada, mas será feita após o cumprimento de procedimentos burocráticos de confirmação.

Com a retirada de assinaturas, o documento passou a ter 25 adesões e, consequentemente, encaminhado ao arquivo. O comunicado de arquivamento foi feito há pouco em plenário pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), que em seguida anunciou o encerramento da sessão plenária não deliberativa desta segunda-feira (11). Para que um novo pedido seja protocolado, o senador interessado tem que reiniciar a coleta de assinaturas.

"A Constituição prevê, em seu artigo 58, parágrafo 3º, que requerimentos de CPIs devem conter, no mínimo, um terço das assinaturas dos senadores e/ou deputados – o que, no caso, representaria 27 senadores. O requerimento, apesar de ter sido apresentado com 27 assinaturas, sofreu duas retiradas, chegando a 25 signatários – e, assim, deixa de atender ao que exige a Constituição. Enfim, deixa de ser lido o requerimento. Determino que o requerimento vá para o arquivo", comunicou Alcolumbre aos pares.

Chamada nos bastidores de "CPI Lava Toga", a comissão seria criada para investigar o funcionamento de tribunais superiores com foco no Supremo Tribunal Federal (STF). Os trabalhos investigativos incluiriam convocação de ministros das Cortes superiores para esclarecimentos ao colegiado.

O requerimento é focado em quatro pontos. Um deles é o "uso abusivo" de pedidos de vista ou outras manobras que atrasam as decisões das Cortes. Outra frente de investigação que seria pedida pelos parlamentares é o "cotidiano desrespeito ao princípio do colegiado" – segundo Alessandro, os tribunais se transformaram "em um aglomerado de juízes monocráticos".

Ainda na área dos procedimentos jurídicos, a CPI quer examinar a "diferença abissal do lapso de tramitação de pedidos, a depender do interessado". O congressista do PPS reclama que "há pedidos idênticos [que chegam às Cortes Superiores] que, para algumas pessoas demora um ano e para outras, algumas horas".

O último tópico visado pela CPI é "a participação de ministros em atividades econômicas incompatíveis com a Lei Orgânica da Magistratura"; ou seja, apurar casos de magistrados com atividades remuneradas que entrariam em conflito de interesses com o cargo.

Veja quem, além de Kátia e Tasso, havia assinado o pedido de CPI:

1- Alessandro Vieira (PPS-SE)
2- Marcos do Val (PPS-ES)
3- Eliziane Gama (PPS-MA)
4- Reguffe (sem partido-DF)
5- Styvenson Valentim (Podemos-RN)
6- Eduardo Girão (Podemos-CE)
7- Álvaro Dias (Podemos-PR)
8- Selma Arruda (PSL-MT)
9- Fabiano Contarato (Rede-ES)
10-Tasso Jereissati (PSDB-CE)
11-Cid Gomes (PDT-CE)
12-Jorge Kajuru (PSB-GO)
13-Kátia Abreu (PDT-TO)
14-Soraya Thronicke (PSL-MS)
15-Randolfe Rodrigues (Rede-AP)
16-Leila Barros (PSB-DF)
17-Sergio Petecão (PSD-AC)
18-Lasier Martins (Podemos-RS)
19-Major Olimpo (PSL-SP)
20-Eduardo Braga (MDB-AM)
21-Luiz Carlos do Carmo (MDB-GO)
22-Rodrigo Cunha (PSDB-AL)
23-Plínio Valério (PSDB-AM)
24-Jayme Campos (DEM-MT)
25-Luis Carlos Heinze (PP-RS)
26-Telmário Mota (Pros-RR)
27- Izalci Lucas (PSDB-DF)
 
Fonte: JL/Congresso em Foco
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
23/04/19, 20:42 | EVENTO - Gilmar Mendes: Eleições decididas pela polícia, MP ou juízes não é normal e precisa ser denunciada
23/04/19, 20:31 | POLÊMICA - Filho de Bolsonaro diz que 'jogo' do general Mourão está muito claro
23/04/19, 20:24 | POSIÇÃO - Para juristas, STJ perdeu chance histórica de fazer justiça no Caso Lula
23/04/19, 20:21 | CASO TRIPLEX - Lula desabafa: 'Ainda não tive direito a julgamento justo'
23/04/19, 20:11 | JULGAMENTO - STJ reduz pena de Lula: o que acontece agora com o ex-presidente?
23/04/19, 20:06 | JULGAMENTO - Defesa de Lula diz que vai recorrer para garantir absolvição
23/04/19, 20:01 | CASO TRIPLEX - STJ reduz pena de Lula de 12 para 8 anos na condenação por Sérgio Moro
23/04/19, 19:40 | ARTIGO - Lula – Erro jurídico anunciado
23/04/19, 16:42 | EDUCAÇÃO - MEC analisa programa de fomento ao ensino médio integral
23/04/19, 16:35 | DIREITOS HUMANOS - Plataforma para combater violência doméstica é lançada na Câmara
23/04/19, 16:20 | MOVIMENTO - STF é vítima de onda populista e autoritária, diz manifesto em defesa do tribunal apoiado por quase 500 juristas
23/04/19, 16:18 | SOLIDARIEDADE - Carpinteiro já fez e doou mais de 10 mil muletas em 48 anos: 'É do fundo do meu coração'
23/04/19, 15:49 | INTERNACIONAL - Número de mortes em atentados no Sri Lanka sobe para 310
23/04/19, 15:40 | SAÚDE - Novo Código de Ética Médica entra em vigor na próxima terça-feira
23/04/19, 15:26 | POLÍTICA - Witzel: Fórum de Governadores passa da fase de debates para ações
23/04/19, 12:09 | CONFUSÃO - Filho de Bolsonaro ataca vice-presidente por palestra nos EUA
23/04/19, 12:05 | TOMA LÁ DÁ CÁ - Governo Bolsonaro promete ‘verba extra’ para deputado que aprovar Reforma da Previdência
23/04/19, 11:53 | DISCURSO - Se me dessem a mão, chamaria a polícia’, diz Kajuru sobre 4 ministros do STF
23/04/19, 11:50 | SENTENÇA - Coronéis e capitães do Exército são condenados por desvio de R$ 11 milhões
23/04/19, 11:29 | ARTIGO - Governo em autocombustão
23/04/19, 11:25 | ARTIGO - Lula não vai ser solto, porque a Justiça está presa
23/04/19, 10:54 | INTERNACIONAL - Sobe para 11 número de mortos após terromoto nas Filipinas
23/04/19, 10:51 | MOVIMENTO - Após reunião com governo, caminhoneiros descartam grave
23/04/19, 10:39 | MUDANÇAS - CCJ da Câmara deve votar hoje relatório da Reforma da Preidência
22/04/19, 21:23 | JULGAMENTO - Liberdade, prisão domiciliar ou continuar na cadeia: os possíveis desfechos do novo julgamento do ex-presidente Lula
22/04/19, 20:15 | EVENTO - Gilmar Mendes: Lula não deveria ter sido preso após condenação em 2ª instância
22/04/19, 20:07 | POLÊMICA - Verdadeiro dono do sítio de Atibaia pede autorização para vender a propriedade
22/04/19, 20:00 | POLÍTICA - Fernando Henrique Cardoso diz que Bolsonaro tem ideias 'muito atrasadas'
22/04/19, 16:09 | REFORMAS - Governo concorda em retirar pontos da Previdência para fazê-la passar na CCJ
22/04/19, 15:10 | REFORMA - Rodrigo Maia: Comissão só será instalada após fim da censura a dados da reforma da Previdência
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site