CBN - A rádio que toca notícia

CAMPANHA

Caso Marielle Franco é destaque em campanha global de direitos humanos

Nove dos dez casos escolhidos pela Anistia Internacional para a campanha são de mulheres ativistas, e o décimo é de uma comunidade no Quênia cujas mulheres estão sendo impactadas pela expulsão de suas terras ancestrais

10/10/18, 16:15

Marielle Franco em registro de novembro de 2017

A

Anistia Internacional lança hoje (10) no Brasil a campanha global Escreva por Direitos (Write for Rights). Em 2018, o foco são mulheres, gênero e defensoras dos direitos humanos. A entidade reforçou que a discriminação, o abuso, a intimidação e a violência afetam de forma desproporcional as mulheres e, em particular, as que se posicionam publicamente na sociedade. Um dos destaques da campanha é a vereadora Marielle Franco, reconhecida defensora dos direitos humanos e morta em março deste ano no Rio de Janeiro.

A diretora executiva da Anistia Internacional Brasil, Jurema Werneck, defendeu que, sete meses após o assassinato de Marielle e Anderson Gomes (motorista do carro onde a vereadora estava no momento em que foi morta), é fundamental que a sociedade se mantenha firme, exigindo respostas e pressionando para que os responsáveis sejam identificados e levados à Justiça. A história de vida de Marielle, segundo Jurema, se junta agora à história de mulheres de outros nove países que lutam por um mundo mais justo.

Ativistas

Nove dos dez casos escolhidos pela Anistia Internacional para a campanha são de mulheres ativistas, e o décimo é de uma comunidade no Quênia cujas mulheres estão sendo impactadas pela expulsão de suas terras ancestrais. Além de Quênia e Brasil, há casos na Ucrânia, no Marrocos, na Venezuela, na África do Sul, no Quirguistão, no Irã, na Índia e no Vietnã. Com exceção de Marielle, as mulheres e ativistas que integram a campanha seguem atuando em seus países, muitas, segundo a entidade, em situação de risco.

“A campanha irá mobilizar pessoas no mundo todo em apoio a estas ativistas, dando visibilidade aos casos e celebrando o papel dessas mulheres que levantam suas vozes contra as injustiças e lideram processos de transformação em seus países”, informou a Anistia Internacional.

Com duração de cinco meses, a Escreva por Direitos segue até 8 de março de 2019, Dia Internacional da Mulher. O processo envolve apoiadores da Anistia Internacional, profissionais da educação e grupos de ativismo na realização de atividades que vão desde aulas temáticas em escolas até eventos públicos em praças ou cafés. Os eventos serão registrados por meio da Plataforma Escreva por Direitos, onde é possível também ter mais detalhes sobre cada um dos casos.

Sobre a campanha

Todos os anos, a Anistia Internacional seleciona casos de pessoas e comunidades vítimas de violações de direitos humanos ou em risco iminente de sofrer violações ao redor do mundo e convida apoiadores e ativistas a entrarem em ação. Atendendo ao chamado, pessoas planejam e realizam atividades diversas, mobilizando comunidades, famílias e amigos a escreverem e assinarem cartas, manifestando solidariedade e pressionando autoridades por justiça.
 
Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
23/10/18, 16:31 | POLÍTICA - Haddad: 'Estamos alertando o cidadão sobre o que pode acontecer com o Brasil'
23/10/18, 16:18 | CRIME - STF manda PGR investigar usuário que criticou ministros na internet
23/10/18, 16:14 | REPERCUSSÃO - Barroso diz que quem ganhar eleições terá que respeitar regras do jogo
23/10/18, 15:26 | POLÍTICA - Pastor abandona Bolsonaro e pede perdão por espalhar mentiras
23/10/18, 15:06 | POLÍTICA - Bolsonaro pode ser derrotado pelo “salto alto”, diz Estadão
23/10/18, 14:41 | CRIME - Em treinamento de rua, policiais militares fazem campanha ilegal para Bolsonaro
23/10/18, 14:20 | ABSURDO - Jornalista pede demissão ao vivo após ser 'censurado' por Bolsonaro
23/10/18, 13:06 | ARTIGO JURÍDICO - Boletim de Ocorrência e Termo Circunstanciado de Ocorrência
23/10/18, 09:23 | POLÍTICA - Fernando Haddad recebe o apoio de 69 torcidas organizadas
22/10/18, 17:59 | INSTITUCIONAL - Conselho aprova primeiro Plano Nacional de Segurança Pública
22/10/18, 17:56 | LAVA JATO - PGR recorre de decisão que mandou soltar irmão de Beto Richa
22/10/18, 17:52 | ECONOMIA - Saiba o que Bolsonaro e Haddad propõem para a economia
22/10/18, 17:48 | POLÍTICA - TSE e TREs divulgam carta defendendo segurança das urnas eletrônicas
22/10/18, 17:40 | REAÇÃO - “Atacar Poder Judiciário é atacar a democracia”, diz presidente do STF
22/10/18, 15:58 | FECHAR O SUPREMO - Ministro diz que filho de Bolsonaro cometeu crime contra a Lei de Segurança Nacional
22/10/18, 15:53 | MOVIMENTO - CNBB e mais seis entidades pedem equilíbrio às vésperas das eleições
22/10/18, 15:46 | POLÍTICA - Para Haddad, instituições não estão reagindo a ameças à democracia
22/10/18, 15:36 | CRISE - Parte do Exército busca blindar imagem da Forças Armadas caso Bolsonaro fracasse
22/10/18, 15:34 | CRIMES - Polícia Federal abriu 469 inquéritos para investigar crimes eleitorais
22/10/18, 14:47 | REPERCUSSÃO NEGATIVA - New York Times chama Bolsonaro de 'triste escolha' e 'risco à democracia'
22/10/18, 14:17 | AGRESSÃO - Em vídeo, coronel chama presidente do TSE de 'vagabunda' e 'corrupta'
22/10/18, 10:58 | POLÊMICA - Ministros do STF consideram declaração de filho de Bolsonaro extremamente grave
21/10/18, 22:06 | POLÍTICA - Em guerra nada santa, Edir Macedo mira a Globo e os católicos
21/10/18, 22:01 | ANÁLISE POLÍTICA - Encorajados por discurso de ódio, preconceituosos saem do armário
21/10/18, 21:47 | POLÍTICA - Observadores da OEA voltam ao Brasil para o segundo turno das eleições
21/10/18, 21:24 | COLETIVA - Ministra rebate Eduardo Bolsonaro e diz que instituições são sólidas
21/10/18, 21:18 | ABSURDO - Bolsonaro repudia fala do filho: tem que consultar um psiquiatra
21/10/18, 21:04 | POLÍTICA - FHC diz que declarações de filho de Bolsonaro 'cheiram a fascismo'
21/10/18, 20:50 | POLÍTICA - “Bolsonaro é louco, vingativo e insano”, diz Roger Waters
21/10/18, 20:40 | ESPORTE - Em jogo disputado e cheio de lances curiosos, Palmeiras vence o Ceará no Pacaembu
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site