CBN - A rádio que toca notícia

POLÊMICA

Presidente do STJ toma decisão favorável a ela mesma para não pagar imposto

Ao ser questionada pelo BuzzFeed News, a presidente do STJ admitiu que não poderia atuar no caso e anunciou nesta sexta (12) que vai anular a sua decisão no processo

13/01/18, 13:10

A

presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Laurita Vaz, tomou uma decisão que na prática beneficia ela mesma em um processo para não pagar imposto de renda sobre um benefício dado a magistrados. Em outros julgamentos, o próprio tribunal já havia decidido a obrigatoriedade da cobrança do imposto.

Ao ser questionada pelo BuzzFeed News, a presidente do STJ admitiu que não poderia atuar no caso e anunciou nesta sexta (12) que vai anular a sua decisão no processo.

A decisão dela negou um recurso e manteve o entendimento de instâncias inferiores para não recolher imposto sobre um benefício que ela recebe, chamado “abono permanência”.

Hoje, o STJ vive uma situação ambígua: alguns de seus ministros recebem esse abono e não pagam o imposto, enquanto o tribunal vem sucessivamente mandando que outros servidores paguem à Receita.

(…)

Na ponta do lápis, a isenção pode representar um benefício de R$ 1 mil por mês(…)

(…)

O fato é que esse valor foi suficiente para motivar a Associação dos Juízes Federais (Ajufe) a entrar com duas ações, em nome de centenas de associados, para não pagar esse imposto.

No caso de Laurita, tudo começou em 2009, quando ela assinou um documento em que autorizava a associação a entrar com um processo na Justiça em nome dela.

Acontece que, em 2010, o STJ decidiu que, sim, o imposto tem que ser pago. Não foi uma decisão qualquer. Era no chamado “recurso repetitivo”, que é quando o caso vale como referência para outros – e vem sendo seguido no STJ ao longo dos anos, inclusive em 2017.

Apesar desse entendimento do STJ, a Ajufe ganhou no Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), que é uma instância abaixo. Em nome do governo, quem atua é a Procuradoria da Fazenda. A reação dos procuradores foi recorrer ao STJ.

O argumento do recurso era simples: bastava seguir o próprio entendimento do STJ, que é um tribunal superior, derrubar a decisão do TRF-1 e mandar pagar imposto de renda.

Toda essa tramitação demorou até março de 2017. Foi quando o STJ se manifestou sobre o pedido da procuradoria.

O despacho foi da ministra Laurita Vaz.

Sim, a mesma que estava representada no processo pela Ajufe.

Na decisão, ela até cita o entendimento do STJ, favorável ao pagamento de imposto.

(…)

Na prática, o efeito disso foi manter a decisão que era favorável a ela.

(…)

Fonte: JL/Falando Verdades
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
20/01/18, 10:29 | ESTUDOS - Joca Marques e Madeiro podem ser extintos para que voltem a pertencer a Luzilândia
20/01/18, 10:15 | INVESTIGAÇÕES - Temer diz que não vai sair do poder com fama de ladrão
19/01/18, 16:54 | ILEGALIDADE - PRF flagra ônibus com porta amarrada com corda em Teresina
19/01/18, 16:49 | CARNAVAL - Fundação confirma participação de paredões de som no Corso de Teresina
19/01/18, 16:42 | CRIME - Casal é encontrado morto dentro de casa na zona Norte de Teresina
19/01/18, 16:23 | ENSINO - Ministério da Educação reconhece 50 cursos de ensino superior
19/01/18, 16:19 | ECONOMIA - Brasileiros de todas as classes têm dificuldade para poupar, diz SPC
19/01/18, 15:50 | POLÊMICA - Temer vai gastar mais 30 bilhões para aprovar reforma da previdência
19/01/18, 15:46 | POSIÇÃO - Jurista italiano de renome internacional denuncia parcialidade da Lava Jato
19/01/18, 14:10 | LVANTAMENTO - Número de acidentes e mortes em rodovias federais cai 7,5% em 2017
19/01/18, 14:05 | POLÊMICA - Governo recorre ao STJ para garantir Cristiane Brasil como ministra do Trabalho
19/01/18, 13:48 | BOATO - Pelé nega desmaio e internação divulgados por associação inglesa
19/01/18, 13:22 | SAÚDE - Vacina para febre amarela no PI é exclusiva aos que vão viajar para áreas de risco
18/01/18, 19:14 | POLÊMICA - Dona de dois apartamentos no Leblon, no Rio, filha de ministro do STF recebe auxílio-moradia de R$ 4,3 mil
18/01/18, 18:34 | ENTREVISTA - Temer defende reforma da Previdência no Programa Silvio Santos
18/01/18, 18:31 | RELIGIOSIDADE - Papa Francisco se despede do Chile desejando 'união e paz'
18/01/18, 18:28 | LAVA JATO - Moro ordena transferência de Sérgio Cabral do Rio para o Paraná
18/01/18, 17:58 | TRIPLEX - Para evitar multidão, julgamento de Lula será transmitido ao vivo
18/01/18, 17:39 | INVESTIGAÇÃO - Saiba o que Temer respondeu à PF sobre a corrupção nos Portos
18/01/18, 17:34 | CONDENAÇÃO - Procurador diz que não vê razão para pedir prisão cautelar de Lula
18/01/18, 16:12 | EDUCAÇÃO - 'Foi muito treino', diz aluna do Piauí nota mil na redação do Enem 2017
18/01/18, 16:00 | ARTIGO - Não derrotemos o Piauí. Derrotemos os desonestos e as promessas vãs!
18/01/18, 15:51 | MUNDO - Editora de rádio francesa diz que Brasil voltou a ser país de bananas, após o golpe
18/01/18, 15:41 | ACUSAÇÃO - Senador do PMDB diz que da cadeia, Cunha indica todo mundo no governo Temer
18/01/18, 13:43 | ARREGIMENTAÇÃO - Movimentos ampliam mobilizações em defesa de Lula e da democracia
18/01/18, 13:39 | POLÍTICA - Artistas fazem ato em defesa de Lula em SP. 'Ele está arrasador', diz Graça Lago
18/01/18, 13:16 | RECURSOS PÚBLICOS - Luzilândia recebe o segundo repasse do FPM nesta sexta-feira
18/01/18, 13:12 | DESCASO - Saneamento corrupto e criminoso na cidade de Luzilândia será investigado
17/01/18, 15:32 | REPÚDIO - Pedido de impeachment de Gilmar Mendes se aproxima dos 2 milhões de assinaturas
17/01/18, 15:29 | POLÍTICA - Honestidade de candidatos será prioridade para 72% nas eleições de 2018, aponta pesquisa
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site