CBN - A rádio que toca notícia

LEVANTAMENTO

SUS tem 904 mil cirurgias eletivas na lista de espera, aponta CFM

A pesquisa traz dados enviados pelas secretarias de saúde de 16 estados e dez capitais até junho deste ano

04/12/17, 09:06

L

evantamento do Conselho Federal de Medicina (CFM) aponta que pelo menos 904 mil cirurgias eletivas estão pendentes no Sistema Único de Saúde (SUS) em diferentes estados e municípios do país. As cirurgias eletivas não são de urgência ou emergência. O estudo, feito pela primeira vez pelo conselho, divulgado nesta segunda-feira (4) mostra que do total pelo menos 746 procedimentos cirúrgicos estão na fila de espera há mais de dez anos e 83% dos pedidos entraram na fila a partir de 2016. O Ministério da Saúde informou que desde maio passou a adotar o sistema de fila única para organizar a demanda. 

A pesquisa traz dados enviados pelas secretarias de saúde de 16 estados e dez capitais até junho deste ano. Outros sete estados e oito capitais não enviaram informações, alegando não tê-las disponíveis ou por negativa de acesso aos dados. Por ser o primeiro levantamento desse tipo, não há dados dos anos anteriores. A pesquisa contabiliza o número de procedimentos agendados, e não o número de pacientes na fila.

Catarata

Na lista de espera, a maioria dos pedidos de cirurgias é de catarata, hérnia, vesícula, amígdalas e adenoide, além de cirurgias ortopédicas. Os estados de Minas Gerais, São Paulo, Goiás e Ceará apresentaram o maior número de cirurgias pendentes. Entre as capitais e estados que disponibilizaram informações de perfil dos usuários, as mulheres representam 67% dos pacientes que aguardam algum tipo de procedimento especializado.

Angelita Máximo dos Santos, 53 anos, de Maceió, espera desde junho por um procedimento no olho. Depois de fazer pela rede pública uma cirurgia de catarata, ela teve piora no quadro de sua visão e foi encaminhada pelo médico para realizar um procedimento de lavagem da lente colocada na primeira cirurgia.

Com dificuldades para enxergar, Angelita teve que deixar o trabalho de doméstica e cuidadora de idosos, o que acabou reduzindo a renda mensal familiar. “Ele [o médico] disse que não podia passar os óculos, porque eu não estava vendo nada, então eu tinha que esperar a lavagem da lente e nunca ninguém ligou. Aí eu estou esperando”, relatou Angelita.

Médicos alertam que a demora na realização de determinado procedimento é decisiva no sucesso de um tratamento. O representante do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO), Cristiano Caixeta, explica que a demanda por procedimentos nos olhos tem crescido devido ao envelhecimento da população, entre outros fatores. E a demora para atender todas as solicitações está relacionada à falta de profissionais especializados. 

Já Mauro Ribeiro, presidente em exercício do CFM, defende políticas integradas entre os entes federados. “O número de pacientes que precisam dos procedimentos e não tem acesso ao Sistema Único de Saúde é imenso. Tanto os dados do Ministério [da Saúde], quanto os dados do Conselho Federal de Saúde são subestimados, muito aquém da realidade. [….] É necessário que o governo federal estabeleça políticas públicas com os estados e municípios para poder organizar o sistema e dar acesso a esses pacientes ao sistema de saúde”, disse. 

Ministério da Saúde

O Ministério da Saúde informou que, em julho deste ano, foi fechada a primeira lista para cirurgias eletivas no SUS. A lista identificou pouco mais de 667 mil pacientes aguardando por algum procedimento eletivo no país. O ministério ressalta que em maio deste ano adotou o sistema de lista única para organizar a rede de saúde e diminuir a fila de espera. O novo sistema tem o objetivo de centralizar as demandas em um único cadastro e ampliar as possibilidades de atendimento do paciente para outros hospitais de sua região.

De acordo com o levantamento do CFM, o SUS realizou no ano passado mais de 1,5 milhão de cirurgias eletivas. O número é inferior aos anos de 2015, que registrou 1,7 milhão de cirurgias; e 2014, com o total de 1,8 milhão, com base em dados do sistema de informação do Ministério da Saúde.

O Ministério da Saúde divulgou na semana passada balanço parcial de 2017, que mostra crescimento de 39% no número de procedimentos realizados na rede pública entre janeiro e setembro, mês que registrou mais de 150 mil cirurgias. 

A pasta informou ainda que o governo federal repassa de forma regular mensalmente recursos de média e alta complexidade a todos os estados e municípios e ainda dispõe de R$ 250 milhões em valores extras que poderão ser liberados para os gestores locais. Cerca de R$ 41,6 milhões já foram liberados este ano para a realização de mutirões.

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
17/11/18, 22:29 | BRASILEIRÃO - Corinthians vence Vasco e dá passo importante contra o Z-4
17/11/18, 22:25 | ECONOMIA - Pagamento da segunda parcela do 13º pelo INSS começa no dia 26
17/11/18, 22:02 | IMBRÓGLIO - Justiça proíbe TV Globo de divulgar conteúdo de inquérito de Marielle
17/11/18, 17:58 | SAÚDE - SBU quer incluir times de futebol na prevenção ao câncer de próstata
17/11/18, 17:54 | INTERNACIONAL - Incêndio da Califórnia registra 74 mortos e mais de mil desaparecidos
17/11/18, 17:49 | POLÊMICA - DPU ajuíza ação para manter atendimento regular do Mais Médicos
17/11/18, 15:07 | ACIDENTE - Submarino argentino desaparecido 'implodiu', diz chefe de base naval
17/11/18, 15:02 | SAÚDE PÚBLICA - Com saída de cubanos, cerca de 600 cidades podem ficar sem médico, diz entidade
17/11/18, 14:49 | CAMPANHA ELEITORAL - Iracema Portella, Maia Filho e Margarete Coelho foram os que mais receberam recursos de partido na eleição 2018
16/11/18, 21:58 | PROCESSO DISCIPLINAR - Deputados entram no CNJ contra ilegalidade da exoneração de Sérgio Moro
16/11/18, 21:27 | TEATRO - Espetáculo baseado em fatos reais revive crime da década de 40 em Belém
16/11/18, 21:24 | PRESTAÇÃO DE CONTAS - Bolsonaro culpa sistema do TSE por falhas na prestação de contas
16/11/18, 21:18 | POLÍTICA - Sérgio Moro vai integrar equipe de transição de Bolsonaro
16/11/18, 21:14 | MEIO AMBIENTE - Temporal causa mortes e estragos em BH; adolescente está desaparecida
16/11/18, 21:06 | DISNEY - Veja curiosidades do Mickey Mouse, que completa 90 anos no domingo
16/11/18, 21:02 | TRANSIÇÃO - General desiste de ministério e leva crise ao QG de Bolsonaro
16/11/18, 20:59 | JUSTIÇA FEDERAL - Vaga de Moro na Lava Jato pode ser disputada por 232 juízes
16/11/18, 20:51 | ESPORTE - Com gol de pênalti de Neymar, seleção derrota Uruguai
16/11/18, 15:23 | CORRUPÇÃO - Propinas para Aécio Neves eram carregadas em caixas de sabão em pó
16/11/18, 14:47 | POLÊMICA - Presidente do TRF-4 assina exoneração de Sérgio Moro
16/11/18, 13:36 | POLÍTICA - Prefeitas brasileiras sofrem preconceito e desigualdade de gênero
16/11/18, 13:23 | POLÍTICA - Ignorado na composição de ministérios de Bolsonaro, PSL fica dividido
16/11/18, 13:16 | INVESTIGAÇÃO - Corregedor Nacional quer ouvir Sergio Moro e juízes do TRF-4
16/11/18, 12:30 | SAÚDE - Mulheres em situação de violência poderão contar com tratamento odontológico em Teresina
16/11/18, 12:24 | EDUCAÇÃO - Teresina organiza rematrícula dos bolsistas do Bolshoi e lança edital para nova Mãe Social
16/11/18, 12:20 | EVENTO - Teresina participa de Semana da Resiliência Urbana em Barcelona e prepara plano municipal
16/11/18, 10:03 | TRANSIÇÃO - Diretores do BC colocam-se à disposição para permanecer nos cargos
16/11/18, 10:01 | ECONOMIA - Distrito Federal registra desigualdade maior que restante do país
16/11/18, 09:57 | PESQUISA - Periferia das cidades concentra 87% das bibliotecas comunitárias
16/11/18, 09:24 | PEDOFILIA - Inocentado, homem torturado na prisão processa Magno Malta
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site