CBN - A rádio que toca notícia

CRIME

Polícia Federal desarticula grupo que fraudava seguro-desemprego

De acordo com a corporação, requerimentos fraudulentos eram inseridos no sistema por agentes credenciados em escritórios montados pela organização mediante a utilização de senhas desses funcionários

18/05/17, 12:52

A

Polícia Federal, em parceria com o Ministério do Trabalho, deflagrou na manhã de hoje (18) a Operação Stellio. O objetivo é desarticular uma organização criminosa especializada em fraudes contra o Programa Seguro-Desemprego e o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Participam da operação cerca de 250 policiais. Ao todo, estão sendo cumpridos 136 mandados judiciais, sendo 56 de busca e apreensão, dez de condução coercitiva, nove prisões preventivas e 61 prisões temporárias. Os mandados estão sendo cumpridos nos seguintes estados: Tocantins, Goiás, Pará, Maranhão, Roraima, Paraná e Santa Catarina.

De acordo com a corporação, requerimentos fraudulentos eram inseridos no sistema por agentes credenciados em escritórios montados pela organização mediante a utilização de senhas desses funcionários. A investigação apontou um prejuízo efetivo na ordem de R$ 320 milhões, conforme dados de requerimentos fraudados entre janeiro de 2014 e junho de 2015.

A Justiça Federal em Palmas determinou a prisão de 14 agentes e ex-agentes do Sistema Nacional de Emprego (Sine) dos estados do Tocantins, de Goiás e do Maranhão que atuaram na inserção de milhares de requerimentos fraudulentos no sistema do Ministério do Trabalho e Emprego.

Também foi determinada a prisão de três ex-funcionários da Caixa Econômica Federal que facilitavam os saques dos benefícios fraudulentos por outros integrantes da organização criminosa.

Além disso, a Justiça decretou a indisponibilidade financeira de 96 pessoas integrantes da organização criminosa visando ressarcir os cofres públicos pelos prejuízos, impedindo a dispersão patrimonial dos envolvidos após a deflagração da operação.

“Os fatos em apuração configuram, em tese, os crimes de estelionato, organização criminosa, lavagem de dinheiro e corrupção ativa e passiva, cujas penas somadas ultrapassam 50 anos”, concluiu a Polícia Federal.

A operação faz referência ao nome em latim stellionatu, em português estelionato ou fraude, que veio de stellio, um tipo de camaleão que tem a pele com manchas que parecem estrelas. Stellio ganhou o sentido de trapaceiro pela capacidade do animal de mudar a cor da pele para se confundir com o ambiente.

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
22/08/17, 17:33 | ECONOMIA - Pelo terceiro ano seguido, desemprego é a principal causa da inadimplência
22/08/17, 17:28 | TERROR - Barcelona: 2 terroristas têm prisão preventiva; 1 fica em liberdade
22/08/17, 17:25 | CORRUPÇÃO - Collor vira réu em processo da Lava Jato no Supremo Tribunal
22/08/17, 16:55 | POLÊMICA - Mãe de Miss Brasil diz que comentários racistas não vão calar a filha
22/08/17, 11:29 | SISTEMA - Na mira de Temer, projetos sobre semipresidencialismo tramitam no Congresso
22/08/17, 11:25 | CORRUPÇÃO - Funaro fecha acordo de delação premiada com a Lava Jato
22/08/17, 11:15 | FUTEBOL - Fox Sports fecha acordo para transmitir Copa do Mundo da Rússia
22/08/17, 11:10 | VIOLÊNCIA ESCOLAR - Professora de SC é agredida por aluno após expulsá-lo de sala: ‘Dilacerada’
22/08/17, 11:05 | POLÊMICA - Janot vê ‘múltiplas causas’ para a suspeição de Gilmar no caso do ‘rei do ônibus’
22/08/17, 11:01 | POLÍTICA - Temer é o pior cabo eleitoral do país, aponta Paraná Pesquisas
22/08/17, 09:27 | CELEBRIDADE - Novo clipe de Anitta terá paredão de bumbuns
22/08/17, 08:40 | ECONOMIA - Inadimplência atinge 59,4 milhões de brasileiros, aponta pesquisa
22/08/17, 08:30 | FENÔMENO - Eclipse total do sol deixa cidades norte-americanas no escuro
21/08/17, 17:54 | CRIMINALIDADE - Adolescente é apreendido suspeito de estuprar prima de 12 anos em Teresina
21/08/17, 17:49 | VIOLÊNCIA - Idoso é morto na porta de casa ao ser testemunha de assalto em Teresina
21/08/17, 17:43 | VIOLÊNCIA - Grávida de gêmeos é morta a facadas e pedradas em Teresina
21/08/17, 17:20 | ESPORTE - Milton Mendes não resiste a má fase e é demitido do Vasco
21/08/17, 17:17 | POLÊMICA - Eunício Oliveira critica volta de doações de empresas a candidatos
21/08/17, 17:12 | POLÍTICA - Alckmin sobe o tom contra governo Temer: 'Não cumpre nada, nada'
21/08/17, 16:54 | INVESTIGAÇÃO - OPERAÇÃO ZELOTES: Romero Jucá é denunciado por corrupção
21/08/17, 12:35 | ECONOMIA - Ministro diz que são falsas notícias de que salário mínimo será reduzido
21/08/17, 12:26 | EDUCAÇÃO - Escolas já podem escolher livros didáticos que serão utilizados no ano que vem
21/08/17, 12:16 | PROTESTOS - Gilmar Mendes leva vaia ao defender semipresidencialismo em evento
21/08/17, 11:53 | VIOLÊNCIA - Soldado recruta do Exército é preso por suspeita de vazar informações para traficantes sobre operações no RJ
21/08/17, 11:45 | CRIME - Delegado mata a mulher juíza e depois comete suicídio, em SP
21/08/17, 11:21 | ELEIÇÕES 2018 - Siglas e candidatos buscam apoio para turbinar votações
21/08/17, 11:17 | PARTIDO - Reunião com Aécio prova que Temer quer fazer 'intervenção' no PSDB
21/08/17, 10:23 | PARLAMENTO - Câmara analisa nesta semana PEC que cria distritão e financiamento público
21/08/17, 10:01 | INTERNACIONAL - Balanço dos atentados na Espanha sobe para 15 mortos
21/08/17, 09:49 | POLÍTICA - Tucanos ameaçam deixar PSDB caso Tasso permaneça na presidência
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site